sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Neste Sabado dia 4 tem Brasil no UFC com Mauricio Shogun, Lyoto Machida, Rani Yahya e Wagner Caldeirão.


UFC ON FOX: SHOGUN VS. VERA

O EVENTO CONTA COM AS LUTAS DOS BRASILEIROS MAURÍCIO SHOGUN E LYOTO MACHIDA, OS DOIS COM POSSIBILIDADES DE DISPUTAR O CINTURÃO, CASO VENÇAM

Shogun faz a luta principal pela categoria dos meio-pesados
Shogun faz a luta principal pela categoria dos meio-pesados (Créditos: Divulgação)
04/08/2012
Sábado, 4 de agosto, acontece o UFC on Fox: Shogun vs. Vera, no Staples Center em Los Angeles, Califórnia. A noite conta com a luta principal do brasileiro Maurício Shogun e o norte-americano Brandon Vera, além do confronto entre Lyoto Machida e Ryan Bader, todos pela categoria dos meio-pesados.
De acordo com o presidente Dana White, o vencedor mais convincente desses dois confrontos poderá disputar o tão sonhado cinturão da categoria, que atualmente está na mão do norte-americano Jon Jones. No sábado, o SPORTV.COM acompanha todas as lutas do evento em Tempo Real a partir de 17h45. O canal Combate transmite ao vivo.
Confira o Card Completo
Card Principal
Maurício Shogun x Brandon Vera
Lyoto Machida x Ryan Bader
Joe Lauzon x Jamie Varner
Mike Swick x DaMarques Johnson
Card Preliminar
Cole Miller x Nam Phan
Phil Davis x Wagner Prado
Josh Grispi x Rani Yahya
Phil De Fries x Oli Thompson
Manny Gambyryan x Michihiro Omigawa
Ulysses Gomez x John Moraga







O UFC on Fox 4 acontecerá neste sábado no Staples Center em Los Angeles, Estados Unidos, marcando a quarta parceria entre o UFC e a rede de televisão americana.
Acompanhe aqui uma cobertura ao vivo, com os duelos preliminares começando por volta das 18:00hs (horário de Brasília).
O Brasil estará representado por Mauricio Shogun, Lyoto Machida, Rani Yahya e Wagner Caldeirão.
Na luta principal do evento, Mauricio Shogun medirá forças com o estadunidense Brandon Vera, em um duelo de meio-pesados, categoria dominada por Jon Jones.
Lyoto Machida vs. Ryan Bader
Na segunda luta mais importante,  o brasileiro Lyoto Machida e o americano Ryan Bader irão para a batalha pela divisão dos meio-pesado (até 93 kg).
O brasileiro leva 17 vitórias e 3 derrotas e disputou recentemente o título dos meio-pesados (até 93kg) contra o campeão Jon Jones. No combate, o americano acabou finalizando o brazuca com uma guilhotina no UFC 140 no dia 10 de dezembro, mantendo o seu Cinturão.
Lyoto é um dos mais focados e talentosos atletas brasileiros, sendo um verdadeiro exemplo dentro e fora do octógono.
Além do mais, Lyoto já foi campeão de sua divisão de peso ao nocautear o americano Rashad Evans no 2º round, êxito ocorrido no UFC 98 no dia 23 de maio de 2009.
Das 17 vitórias de Lyoto, 9 foram por decisão, 6 por nocaute e 2 por finalização. Machida estava invicto até defender pela segunda vez o seu reinado contra Mauricio Shogun no UFC 113 que acabou pegando o título do carateca que conheceu a primeira derrota da carreira. Desde então, perdeu para Quinton Rampage Jackson no UFC 123 no dia 20 de novembro de 2010 por uma polêmica decisão dividida, nocauteou de forma espetacular Randy Couture no UFC 129 no dia 30 de abril de 2011 e finalmente lutou com Jones, conforme anteriormente explicado.
Se o representante do Brasil aplicar o seu vitorioso, mas criticado jogo de contra-ataque deverá levar a batalha.
Bader - por sua vez -  apresenta 14 êxitos e 2 fracassos, vindo de vitória por decisão unânime sobre o seu compatriota Quinton Rampage Jackson no UFC 144 no dia 26 de fevereiro no Japão.
O estadunidense tem o wresting como principal arma (expert em quedas), apresentando uma impressionante evolução no seu jogo em pé.
Ryan Bader pintava como um fenômeno invicto até ser finalizado por Jon Jones no UFC 126 no dia 05 de fevereiro de 2011. Logo após, também  foi finalizado por Tito Ortiz com uma guilhotina no UFC 132 no dia 02 de julho de 2011. Então, recuperou-se na luta seguinte ao nocautear o americano Jason Brilz no UFC 139 no dia 19 de novembro de 2011, conseguindo novo vitória no UFC 144.
A tática de Bader será encurtar e acertar golpes em Lyoto da curta e da média distâncias, tarefa muito difícil em virtude a característica do brazuca (saí muito bem para trás e diagonal e varia com contra-ataques e golpes de encontro).
Por outro lado, a estratégia de Lyoto deverá consistir em ficar na longa distância, deixando para golpear somente nos contra-ataques, deixando a iniciativa do combate para o americano.
Será um duelo claro: a espera de Lyoto (que não irá arriscar na tomada de iniciativa da trocação, sendo que irá jogar no contragolpe) contra o jogo justo e versátil de Ryan Bader que tentará alcançar o brasileiro na longo distância.
Se Lyoto jogar na sua famosa tática de contra-ataque, Bader terá sérias dificuldades e poderá se irritar ao longo da luta, precipitando posições e ataques, caindo no jogo eficiente do verde-amarelo.
Sendo assim, se Lyoto deverá levar vantagem e vencer por nocaute ou finalização.
" Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte".


Nenhum comentário:

Postar um comentário